quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

A Lei Eleitoral é clara. Parentes de governadores não podem ocupar cargos executivos durante a gestão dos seus pares de sangue. Só que existe uma brecha. Se a candidatura for de reeleição, ela é legitima, diz o Código Eleitoral.

E é exatamente essa brecha que a atual governadora do RN, Rosalba Ciarline, vai usar para tentar eleger sua irmã, Ruth Ciarline prefeita de Mossoró.

Ruth é vice na chapa de Fafá Rosado, atual chefe do executivo municipal da “capital do Oeste”.

Fafá não pode mais se reeleger, pois já cumpriu dois mandatos, mas Ruth pode, caso Fafá renuncie.

O blog Visão Política, do jornalista Allan Darlysson, através de uma fonte dentro da prefeitura, confirmou o que todos já especulavam.

Rosalba está articulando para que Fafá, enfermeira por formação, assuma uma vaga de conselheira no Tribunal de Contas do Estado.

Com isso, o caminho fica aberto para candidatura de Ruth Ciarline.

Essa manobra tem uma intenção clara. Derrotar o grupo político adversário, liderado pela Dep. Federal, Sandra Rosado, que através da sua filha-candidata, Larissa Rosado, lidera a preferência nas ultimas pesquisas de intenção de voto.

Fafá, segundo fontes, deve deixar o cargo até maio.

É esperar para ver….

0 comentários