quarta-feira, 25 de abril de 2012

O dia 26 de abril é lembrado nacionalmente como o Dia de Combate e Prevenção à Hipertensão Arterial. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia a data serve para lembrar a população da importância da prevenção e cuidados com a pressão alta, que é um dos principais fatores de risco para as doenças cardiovasculares.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, no Rio Grande do Norte a hipertensão arterial acomete 22,1% (485.581 pessoas) da população adulta maior de 18 anos de idade. Se não tratada, pode provocar derrames cerebrais, doenças do coração, como o infarto, insuficiência cardíaca (aumento do coração) e angina (dor no peito), insuficiência renal ou paralisação dos rins e alterações na visão que podem levar à cegueira.

De acordo com Severina Pereira, coordenadora do Núcleo de Doenças e Agravos Não-Transmissíveis (DANT) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), as pessoas com excesso de peso, que não tem alimentação saudável, que ingerem muito sal, não fazem atividades físicas, consomem muita bebida alcoólica, são diabéticas ou têm história familiar de hipertensão apresentam um maior risco de serem hipertensas.

0 comentários