sábado, 2 de junho de 2012


Ações do Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), reduziram o índice de homicídios nos cinco primeiros meses de 2012, se comparados ao mesmo período de 2011, em 7,3%. Se levado em conta somente os meses de maio dos dois anos, a redução é constatada na Região Metropolitana (-18,2% e Mossoró (-76,9). Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (1º), pela Subcoordenadoria de Estatística e Análise Criminal (Seac), implantada no começo do ano passado.

Quando analisados os dados de todo o território potiguar, verifica-se que a quantidade de assassinatos, comparando 2011 com 2012, caiu nos meses de janeiro, fevereiro, março e maio, registrado alta de 6,8% em abril.

Na capital, de acordo com o levantamento da Seac, na mesma comparação, houve menor número de homicídios em janeiro (-42,4%) e fevereiro (-19,2%), verificando-se altas em março (125%), abril (13%) e maio (10%).

Na Região Metropolitana, a Seac apontou, também comparando 2011 com 2012, diminuição dos homicídios em março (-25%) e maio (-18,2%), e aumento nos meses de janeiro (166,7%), fevereiro (42,9%) e abril (53,8%).

Em Mossoró, os cinco primeiros meses de 2012 foram mais tranquilos que os mesmos do ano passado, com redução em todos eles do índice de assassinatos. Em janeiro, a quantidade caiu 53,1%; fevereiro, 15,4; março, 64,7; abril, 57,1 e maio teve uma queda de 76,9.

0 comentários