quinta-feira, 26 de março de 2015

No último jogo contra o Vitória na Arena das Dunas, o técnico Roberto Fernandes quebrou a cabeça para a escalar o time. Sem Wálber, Marcelinho e Arthur Henrique, o treinador contava apenas com dois alas canhotos: Julinho (que ainda não havia estreado) e Magalhães (que não estava em boa fase).

Com essas ausências, RF foi obrigado a improvisar e terminou escalando uma linha com quatro zagueiros: Flávio Boaventura, Cléber, Edson Rocha e Zé Antônio Potiguar.

Para piorar, no setor de proteção somente Judson estava disponível. Maguinho cumpria a suspensão por conta da expulsão na partida do Barradão e no departamento médico estavam os volantes Zé Antônio Paulista e Tiago Dutra. 
Por conta de uma lesão na coxa, Cascata também era outro jogador fora de combate. 

Com tantos problemas, o América iniciou a partida com Busatto, Flávio Boaventura, Cléber, Edson Rocha e Zé Antônio Potiguar; Judson, Álvaro e Daniel Costa; Emerson, Max e Thiago Potiguar.

Para o confronto desta quinta-feira, Roberto Fernandes ganha cinco jogadores que não atuaram no Barradão. São eles: Wálber, Maguinho, Zé Antônio Paulista, Régis Potiguar e Cascata.

0 comentários